Cabo Verde e Rússia ensaiam apostar no turismo

0

É consequência de uma missão nacional a São Petersburgo que está a ser liderada pelo Ministro do Turismo

Cabo Verde e a Rússia vão trabalhar para ainda este ano se promover um “fun trip” ao Arquipélago, visando “dar seguimento” a contatos iniciados nos últimos dias em São Petersburgo, durante uma missão Cabo-verdiana chefiada pelo Ministro do Turismo.

A julgar pelas informações remetidas ao OPAÍS.cv, a missão que conta com empresários nacionais está a ser um sucesso, com os Russos a expressarem vontade em conhecer o nosso País.

A nível empresarial vai se concluir as condições de fluxo de turistas entre os dois países, ao passo que a nível das autoridades dos dois países, Praia e Moscovo “vão criando as condições institucionais” e outras para os operadores poderem agir sem grandes sobressaltos.

A isenção de vistos entre os dois países é uma possibilidade em cima da mesa, bem como as ligações aéreas entre os dois destinos.

No último sábado, o Ministro José Gonçalves falou de Cabo Verde aos Russos na Cidade de São Petersburgo, que se mostraram encantados com o nosso País. Durante uma sessão de divulgação e promoção do destino turístico Cabo Verde, o número, a qualidade e o interesse dos participantes russos “ultrapassaram todas as expetativas”.

A comunicação do Ministro do Turismo e Transportes gerou um “grande interesse” e um número de questões da parte Russa, procurando saber sobre a conectividade, as condições de acesso, a oferta turística concreta e específica em termos de infraestruturas e serviços no País.

- PUBLICIDADES -

COMENTE ESTA NOTÍCIA

Por favor digite seu comentário!


COMENTÁRIOS: O País defende a liberdade de expressão e o debate livre de ideias. Entretanto, todos os comentários são mediados pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Advertimos, no entanto, de que os comentários devem cumprir os critérios estabelecidos pela Coordenação Editorial, nomeadamente, não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem, não ofender o bom-nome de pessoas e instituições, não conter acusações sobre a vida privada de terceiros, e não conter linguagem inadequada. Comentários que não respeitarem estes pressupostos não serão considerados.


Por favor, digite seu nome aqui