PR “chocado” com morte de Neno

1

Jorge Carlos Fonseca fala em “consternação imensa” pela morte do antigo internacional pela Seleção de Portugal

A morte do antigo guarda-redes do Benfica, Setúbal, Barreirense, Guimarães e da Seleção Portuguesa de Futebol é uma notícia que choca, reagiu o Presidente Jorge Carlos Fonseca que recorda o menino ainda na Cidade da Praia, onde eram vizinhos, na rua Cândido dos Reis.

“Chocado com a notícia da morte de Neno, Cabo-verdiano que se notabilizou como guarda-redes do Benfica, do Vitória de Guimarães e da seleção Portuguesa de futebol”, escreveu JCF.

O PR recorda ter conhecido Neno na Cidade da Praia, e depois, “cruzamo-nos nalgumas ocasiões, uma das quais no Porto (Portugal), num evento em que estive já como PR, e onde ele animou o ambiente cantando como gostava muito de fazer”.

JCF fala numa figura de uma simpatia e de uma jovialidade “raras”, pelo que a sua morte é uma “consternação imensa”.

Notícia relacionada:

Morreu guarda-redes Neno

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.