Alfândegas fecham setembro com faturação na ordem dos 2 milhões e 500 mil contos

1

É o valor mais elevado alguma vez faturado

As Alfândegas e Delegações aduaneiras de Cabo Verde registaram, neste mês de setembro, que hoje chega ao fim, um recorde de faturação, nunca antes visto.

Dados provisórios apurados pelo OPAÍS.cv, apontam para um encaixe ligeiramente superior a dois milhões e quinhentos mil contos de cobranças, incluindo o valor do IVA que representa 40% do total do valor arrecadado.

Fonte de OPAÍS.cv atestou que o montante arrecadado, evidencia uma melhoria, ao nível nacional no que se refere à recuperação económica, após os efeitos negativos da pandemia da Covid-19, e mais recentemente, da guerra na Ucrânia, ainda a impactar negativamente a economia nacional.

“Estamos perante um sinal muito encorajador”, comenta a fonte.

Est sinal positivo das Alfândegas ocorre ainda num cenário de incertezas e de crises, e numa altura em que o Governo e os Parceiros Sociais tentam afinar posições em matéria do Orçamento Geral do Estado para o ano económico de 2023, que nos próximos dias será entregue ao Parlamento.

Ainda hoje, os Parceiros Sociais voltaram a reunir-se em sede de Concertação Social.

De janeiro a esta data, incluindo setembro, Cabo Verde já faturou através das Alfandegas, mais de 18 milhões de contos.

1 COMENTÁRIO

  1. O país está a dar passos largos graças à tecnologia de Informacao e formacao no procedimento do levantamento de mercadorias tornando mais rápido , eficiente e eficaz no procedimento do lebantamento das mercadorias. Isto faz com que os operadores nacionais e estrangeiros exportem mais às mercadorias sem ter que esperar muito tempo para seu levantamento. Opais está e parabéns!!!

Comments are closed.