ASSOMADA: Tribunal aplica prisão preventiva a suspeitos de matar nigeriano

1

Caso ocorreu na madrugada de segunda-feira, 4, em Cutelo, arredores de Assomada. No mesmo dia a PJ deteve os alegados implicados no crime

O Tribunal de Santa Catarina de Santiago ouviu na última quarta-feira, 6, três suspeitos de envolvimento no assassinato de um nigeriano, de 42 anos de idade, na passada segunda-feira, em Cutelo, tendo decidido mandar para a prisão preventiva 2 indivíduos do sexo masculino, de 27 e 30 anos, ao passo que uma mulher de 26 anos de idade, também indiciada no crime ficou com Termo de Identidade e Residência.

A detenção dos suspeitos foi graças a uma operação conjunta das polícias Nacional e Judiciária que, ontem, apresentaram 3 pessoas ao poder judicial.

A detenção ocorreu fora do flagrante delito mas segundo as autoridades há indícios de ser o trio responsável pelo crime.



1 COMENTÁRIO

Comentários estão fechados.