Autarca do Maio garante ter “mais de 400 pessoas empregadas”

0

Miguel Rosa indica que nos próximos dois meses deverá chegar aos 800 postos de emprego na ilha

O Presidente da Câmara Municipal do Maio, Miguel Rosa, garante que a sua Administração tem promovido a criação de emprego público na ilha, e que neste momento, cerca de 400 postos de emprego estão garantidos, um número que deverá se situar em torno dos 800, até julho, assim que arrancar, efetivamente, as obras do Porto e da Circular da Cidade.

Em entrevista à TCV, o Edil assegurou que neste momento, resultante de investimentos da Câmara Municipal, com apoio do Governo, em toda a ilha do Maio “temos mais de 400 pessoas empregadas”.

Miguel Rosa estima que novos empregos vão ser criados, nomeadamente, nas obras da circular da Cidade e na extensão e modernização do Porto da ilha, cujo lançamento ocorreu na passada sexta-feira, 31. “Vamos ter mais cerca de 400 empregos direto”, assegurou.

O Autarca diz que a sua Administração está a trabalhar e a preparar o Maio para o que ele chama de “era de maior dinâmica económica” que na sua perpetiva vai levar mais gente para a ilha e mais visitas de turistas.

Na sexta-feira, Miguel Rosa levou o Primeiro-Ministro para visitar algumas importantes obras em curso na ilha. A Ribeira da Fontona, na Cidade do Porto Inglês, uma obra de mais de 100 mil contos e a Ribeira da Calheta, mais de 60 mil contos, a par de investimentos na reabilitação de casas, no quadro do PRRA, são investimentos para colocar a ilha num novo patamar.

A carteira de investimentos está avaliada em cerca de 300 mil contos e Miguel Rosa observa que neste momento as atenções estão viradas para Cascabulho, Calheta e Cidade.