Bilhetes de avião para sair da Rússia esgotam em minutos

0

O Presidente Russo, Vladimir Putin, anunciou na quarta-feira, 21, a mobilização de reservistas, num gesto inédito desde a Segunda Guerra Mundial

A notícia desencadeou uma corrida aos bilhetes de avião para sair do País. Em poucos minutos, as viagens para destinos que não necessitam de visto como Istambul, Erevan ou Baku ficaram esgotadas.

Conforme relatou a Euronews, os motores de busca de companhias aéreas da Turkish Airlines, Azerbaijan Airlines e Armenia Aircompany, não apresentam lugares vagos nos aviões que partem nos próximos dias.Segundo a mesma fonte, os voos diretos para o Cazaquistão, Uzbequistão e Quirguistão também desapareceram dos sites de venda e comparadores de viagens aéreas online.

Para já, e de acordo com a chefe da Agência Federal de Turismo, não existem restrições à saída dos Russos do País devido à mobilização parcial. “Recebo muitas perguntas sobre ir para o estrangeiro sob mobilização parcial. De acordo com as nossas informações, de momento não existem restrições às viagens ao estrangeiro”, escreveu Zarina Dogúzova, no Telegram.

A responsável diz, no entanto, que já solicitou uma clarificação do processo e aguarda “esclarecimentos oficiais”.

Em Moscovo a decisão de fazer apelo a esta reserva, correspondente a 300 mil pessoas, está a ser acolhida de maneiras diferentes pela população. Alguns apoiam a decisão, outros mostram-se mais céticos, sem demonstrar uma oposição frontal.

COMENTE ESTA NOTÍCIA

Por favor digite seu comentário!


COMENTÁRIOS: O País defende a liberdade de expressão e o debate livre de ideias. Entretanto, todos os comentários são mediados pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Advertimos, no entanto, de que os comentários devem cumprir os critérios estabelecidos pela Coordenação Editorial, nomeadamente, não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem, não ofender o bom-nome de pessoas e instituições, não conter acusações sobre a vida privada de terceiros, e não conter linguagem inadequada. Comentários que não respeitarem estes pressupostos não serão considerados.


Por favor, digite seu nome aqui