Boa Vista. Autarquia leva a cabo campanha de registo de cães

0

Objetivo é manter as localidades limpas, promover a saúde pública e bem-estar dos animais

A Câmara Municipal da Boa Vista, em parceria com a Associação Narina, iniciou já uma campanha de registo de cães na Ilha, com a introdução de chips.

A contagem começou pela localidade de Cabeça dos Tarrafes, onde há registo de 13 cães.

A iniciativa enquadra-se no Código de Posturas Municipal e visa saber o número de cães existente no Município.

A veterinária Laura, auxiliada por duas estudantes do curso de veterinária da Universidade de Viena, registaram com microchip quase 100% da população canina dos Cabeças dos Tarrafes.

O Vereador pela pasta da Saúde, João Mendes alerta a população sobre a importância do registo dos cães nas localidades, com o objetivo de manter as localidades limpas, promover a saúde pública, bem como o bem-estar dos animais.

De acordo com o Código de Posturas do Município, o registo de canídeos é obrigatório, por isso, João Mendes apela ao engajamento urgente da população de modo a obter melhor controlo de cães em cada povoado.

Com base no registo feito, cada animal passa a possuir um chip de identificação com um código numérico que é lido através de um leitor. O referido chip vai permitir saber a quem pertence determinado cão, bem como o seu nome, idade, e entre outros dados.

Sublinha-se que antes desse registo, a Edilidade fez um trabalho de sensibilização para a obtenção responsável de animais, reduzindo assim, o número de cães vadios na comunidade.

COMENTE ESTA NOTÍCIA

Por favor digite seu comentário!


COMENTÁRIOS: O País defende a liberdade de expressão e o debate livre de ideias. Entretanto, todos os comentários são mediados pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Advertimos, no entanto, de que os comentários devem cumprir os critérios estabelecidos pela Coordenação Editorial, nomeadamente, não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem, não ofender o bom-nome de pessoas e instituições, não conter acusações sobre a vida privada de terceiros, e não conter linguagem inadequada. Comentários que não respeitarem estes pressupostos não serão considerados.


Por favor, digite seu nome aqui