Cabo-verdianos elegem novos titulares de Órgãos municipais

1

São as oitavas eleições Autárquicas da história democrática do Arquipélago 

Hoje é dia de eleições nos 22 Municípios de Cabo Verde, com o MpD a querer manter o atual número de Câmaras Municipais, 18, e a apontar para novas conquistas, ao passo que o PAICV, embora não tenha precisado a meta, ambiciona aumentar sua representatividade nas Autarquias que atualmente é 2. São os únicos a concorrer em todos os Concelhos.

A UCID, o PP e um total de 12 grupos denominados de independentes estão ttambém na corrida eleitoral de hoje.

Para estas eleições municipais, estão inscritos um total de 337.083 eleitores, distribuídos por um total de 1.386 mesas de votos.

Este número evidencia um aumento na ordem dos 11%, comparado com as eleições de 2016.

Devido à Covid-19, estas eleições decorrem sobe algumas medidas especiais de segurança, nomeadamente, sanitárias, pelo que a CNE conta com a boa colaboração da Polícia Nacional no controle e fiscalização da órdem pública, neste domingo.

Por causa da Covid-19, as mesas de voto abrem uma hora mais cedo, do que o habitual, funcionando das 7 às 18 horas, ininterruptamente.

Os dados devem ser conhecidos ainda hoje. Graças a um aplicativo desenvolvido pelo NOSi, entre as 22 e 23 horas calcula-se poder ter dados destas eleições.

1 COMENTÁRIO

  1. Certo, umas eleições em que o Paicv fez desde logo a questão de desprezar os cabo-verdianos apostando em listas completamente desprezíveis. A própria líder do Paicv, na sua saga contra a Praia, primeiro votou contra EECP, e depois envia um palhaço e um mandatário idiota como se para entreter o teatro infantil tratasse quando era esperado que a JHA a medir forças no maior município do país. Pelas 19 horas de já se saberá se a brincadeira de JHA deu ou não certo. O desprezo do Paicv para com os municípios é tal que JHA pode ter hipotecado seu futuro político, mas do Paicv e do JMN. A ver vamos!

Comments are closed.