Caso Clarice Fernandes. Suposto autor da morte é pai do filho da vítima

1

Tudo aponta para um crime passional. “Betinho” não teria aceitado o fim do namoro com Clarice e tirou-lhe a vida

Investigação de OPAÍS.cv junto de várias fontes na Ilha do Fogo confirma que o menino de um ano e 3 meses que a jovem Clarice Fernandes deixou é filho dela e do suposto autor da sua morte, ou seja o autor confesso deste crime é o próprio pai do menino.

Clarice também conhecida por Vovó estava desaparecida desde o dia 7 de fevereiro, e apenas ontem o seu corpo foi encontrado já sem vida, após o ex- namorado ter confessado o crime e dado informações do local onde sepultou o cadáver encontrado em avançado estado de decomposição.

Jorge Amílcar Correia Tavares assim se identifica o autor confesso do crime, é conhecido em Curral Grande como “Betinho” e terá cerca de 40 anos de idade.

Tudo aponta para um crime passional. “Betinho” não teria aceitado o fim do namoro com Clarice e tirou-lhe a vida, em circunstâncias ainda não esclarecidas.

Indignação

Familiares da malograda estão indignados com a “frieza” do ex- namorado de Vovó, que até esteve com eles a vasculhar eventual paradeiro da jovem desaparecida.

Com a investigação em curso, as autoridades vão agora tentar desvendar os contornos deste crime e a originalidade da carta que a jovem teria deixado. Se foi mesmo escrita por ela ou se Vovó teria sido forçada a escrever aquela mensagem de que estaria com “vergonha” e que iria lançar-se ao mar.

Filho preso

Entretanto, OPAÍS.cv apurou ainda que “Betinho” tem um outro filho que está detido na cadeia de São Martinho, na Praia, por alegadamente ter esfaqueado mortalmente um outro jovem.

Notícias relacionadas:

Clarice Fernandes terá sido morta pelo ex- namorado

Jovem que estava desaparecida no Fogo encontrada morta e enterrada

Jovem de 20 anos desaparecida há dois dias, na Ilha do Fogo

 

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.