COOPERAÇÃO: Fundo Andaluz disponibiliza 100 mil euros à ANMCV

0

O montante vai ser destinado para o reforço da capacidade institucional sustentável, a nível local no empoderamento do território, envolvendo os seus atores, para atingir os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, na agenda 2030

O Fundo Andaluz de Municípios para a solidariedade internacional, FAMSI, vai disponibilizar à Associação Nacional dos Municípios de Cabo Verde, ANMCV, 100 mil euros para o reforço da capacidade institucional sustentável a nível local.

As informações são do presidente da ANMCV, Manuel de Pina, que falava hoje em conferência de imprensa, juntamente com uma Missão Técnica do FAMSI que está em Cabo Verde para verificar in loco as diversas situações de Autarquias Locais e quiçá, reforçar as parcerias.

O apoio disponibilizado faz parte de um acordo assinado entre as duas entidades, no âmbito do programa “Plataforma Del Cabo Verde e Objetivos 2030”, que está a ser implementado no País.

O referido programa como explica o presidente da ANMCV, tem como objetivo “empoderar o território, envolver os seus atores, para atingir os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, na agenda 2030”.

O programa está a ser implementado em nove municípios do País, sendo 3 de Santo Antão e Fogo, Brava, e dois de Santiago, nomeadamdente, Ribeira Grande e São Salvador do Mundo.

Dentro deste quadro, Cabo Verde vai receber ainda neste mês uma delegação técnica para apoiar neste trabalho.

O Fundo de Andaluz vai também incluir Cabo Verde como País prioritário no seu plano estratégico da cooperação a partir de 2019.

De relembrar que estas medidas advêm de acordos assinados, durante o IV Fórum Mundial de Desenvolvimento Económico Local, realizado na Cidade da Praia, em outubro de 2017.