Covid-19 já matou 3,21 milhões de pessoas no mundo

0

Mais de 153.403.380 casos de infeção foram oficialmente diagnosticados desde o início da pandemia

          

A pandemia do novo coronavírus matou, até hoje, pelo menos 3.214.644 pessoas no mundo, desde o final de dezembro de 2019, segundo um levantamento realizado pela agência de notícias AFP a partir de fontes oficiais.

Mais de 153.403.380 casos de infeção foram oficialmente diagnosticados desde o início da pandemia.

Os números são baseados em relatórios diários das autoridades de saúde de cada País até às 10:00 TMG e excluem as revisões posteriores de agências estatísticas, como ocorre na Rússia, Espanha e Reino Unido.

Na segunda-feira, 10.340 novas mortes e 682.324 novos casos foram registados em todo o mundo. Os países que registaram o maior número de novas mortes nos seus mais recentes levantamentos foram a Índia, com 3.449 novas mortes, o Brasil (983) e a Argentina (540).

Os Estados Unidos são o País mais afetado em termos de mortes e de casos, com 577.500 mortes para 32.471.116 casos, de acordo com o levantamento realizado pela Universidade Johns Hopkins.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são o Brasil, com 408.622 mortes e 14.779.529 casos, a Índia, com 222.408 óbitos (20.282.833 casos), o México, com 217.345 mortes (2.349.900 casos) o Reino Unido, com 127.539 óbitos (4.421.850 casos).

COMENTE ESTA NOTÍCIA

Por favor digite seu comentário!


COMENTÁRIOS: O País defende a liberdade de expressão e o debate livre de ideias. Entretanto, todos os comentários são mediados pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Advertimos, no entanto, de que os comentários devem cumprir os critérios estabelecidos pela Coordenação Editorial, nomeadamente, não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem, não ofender o bom-nome de pessoas e instituições, não conter acusações sobre a vida privada de terceiros, e não conter linguagem inadequada. Comentários que não respeitarem estes pressupostos não serão considerados.


Por favor, digite seu nome aqui