DISFUNÇÃO ERÉTIL: Estudo revela real razão porque homens perdem ereção

0

A disfunção erétil, DE, é infelizmente uma condição bastante comum, porém recentemente um grupo de cientistas descobriu uma potencial nova causa para o problema

          

Estima-se que cerca de metade da população masculina entre os 40 e os 70 anos sofra de DE em algum momento da sua vida.

E agora um novo estudo, publicado na semana passada no periódico científico PNAS, apurou que existe uma certa variação no ADN que causa essa dificuldadeem atingir a ereção.

Uma equipa de investigadores, incumbidos pela firma de seguros de saúde e de cuidado médico norte-americana Kaiser Permanente, estudou os genes de aproximadamente 37 mil indivíduos que disponibilizaram os seus dados médicos para aquela pesquisa.

Os participantes preencheram inquéritos que visavam a sua saúde sexual e os investigadores analisaram se estes apresentavam sintomas de disfunção sexual.

Os cientistas descobriram que os homens que apresentavam uma variação no seu sexto cromossoma, localizado perto do gene SIM1, apresentavam uma maior probabilidade – de 26% – de sofrerem de impotência. O gene SIM1 ajuda a regular o peso corporal e as ereções.

“Identificar pela primeira vez um fator de risco genético para a DE abre as portas para o desenvolvimento de novas terapias para o tratamento da impotência”.

Estima-se que cerca de 50% dos homens não responde positivamente à medicação existente no mercado para tratar a DE, e como tal esta descoberta recente poderá ser revolucionária.