EDUCAÇÃO: Governo recruta mais 158 Professores

0

Medida visa dar corpo ao novo modelo curricular e vigora para o ano letivo 2019/2020. A decisão saiu da reunião semanal do Governo

O Conselho de Ministros autorizou a contratação de mais 158 Professores, para os ensinos básicos e secundários, anunciou esta sexta-feira, 22, o porta-voz do Governo, na habitual conferência de imprensa para revelar as decisões tomadas em Conselho.

A medida, anunciou Fernando Elísio Freire, vai, por um lado, dar corpo ao novo modelo curricular em implementação no País, e por outro permitir substituir Docentes que vão para a reforma.

Cerca de 200 Professores vão para a aposentadoria nos próximos anos, daí a necessidade de renovação seja no EBI seja no Ensino Secundário.

Ainda de educação falando, o Governo deu autorização à FICASE para avançar com a contratação pública para impressão/reimpressão dos manuais escolares para o funcionamento dos subsistemas de ensino, do 1.º ao 12.º anos de escolaridade, um processo que vai custar cerca de 70 mil contos.

Também foi autorizado a FICASE a realizar a contratação pública para fornecimento dos géneros alimentícios básicos, um investimento na ordem de 118 mil contos, o que segundo FEF representa uma “aposta forte” do Governo visando “reforçar” as cantinas escolares.