Estádio da Várzea vai ter nova relva

0

Acordo que permite obras na infraestrutura desportiva foi assinado ontem

A Câmara Municipal da Praia e FCF firmaram ontem um acordo que vai permitir a realização de obras no Estádio Municipal da Várzea. O documento visa a instalação de nova relva sintética, através do programa FORWARD da FIFA e a gestão da infraestrutura.

O Presidente da FCF augurou a parceria com a Câmara Municipal afirmando que a assinatura do protocolo reflete aquilo que é a política da Federação, de estabelecer parcerias com as entidades públicas e privadas, no sentido de apoiar na infraestruturação desportiva do País.

Mário Semedo avançou que a FCF tem estado a recorrer sempre aos programas da FIFA, no sentido de permitir que Cabo Verde possa ter boas infraestruturas desportivas, tendo na ocasião referido à inauguração do novo Centro de Estágios na ilha do Sal e à assinatura de acordos com os Municípios para a criação de infraestruturas, que possibilitam a melhor qualidade da prática do futebol.

Já o Presidente da Autarquia da Capital, Óscar Santos, precisou que este protocolo traduz-se numa ótima oportunidade de reabilitação do Estádio, que segundo notou, possui uma alta taxa de utilização, que pode passar a receber competições internacionais, no melhoramento das casas de banho e a iluminação, englobando um vasto plano de investimentos que já estão na agenda.

O Edil anunciou que a Câmara tem mais projetos no domínio da criação e reabilitação de infraestruturas desportivas, assegurando que terá um retorno muito forte, na formação de jovens desportistas do Município da Praia.

Deixou entender que após as obras, o Estádio irá recuperar o seu nome, Luís Bastos, antigo futebolista.

Todo o processo de reabilitação do Estádio, está a cargo da FIFA, por um período indeterminado e no documento consta o comprometimento da Câmara em investir nos balneários, sendo que a futuras gestão será em parceria com a FCF e a Associação de Futebol de Santiago Sul.

- PUBLICIDADES -

COMENTE ESTA NOTÍCIA

Por favor digite seu comentário!


COMENTÁRIOS: O País defende a liberdade de expressão e o debate livre de ideias. Entretanto, todos os comentários são mediados pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Advertimos, no entanto, de que os comentários devem cumprir os critérios estabelecidos pela Coordenação Editorial, nomeadamente, não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem, não ofender o bom-nome de pessoas e instituições, não conter acusações sobre a vida privada de terceiros, e não conter linguagem inadequada. Comentários que não respeitarem estes pressupostos não serão considerados.


Por favor, digite seu nome aqui