Estado vai assumir riscos dos projetos para que os jovens possam ter acesso ao financiamento

0

Garantia é do Vice-Primeiro-Ministro e Ministro da Economia Digital

De acordo com Olavo Correia, o programa deverá ser denominado Banco de Investimento para os Jovens e já está a ser desenvolvido em parceria com o Banco Africano de Desenvolvimento, BAD, e deverá ser levado para ao Conselho de Ministros e constar do Orçamento Geral do Estado para 2023.

Conforme noticia a Agência Inforpress, o Estado vai assumir a totalidade da garantia e do risco para que os jovens possam ter acesso ao financiamento “desde que os projetos sejam bem montados, bem organizados e dê garantias que vai gerir o projeto com responsabilidade”.

A ideia, asseverou Olavo Correia, é efetivar uma instituição piloto em Cabo Verde para estar focada na criação de oportunidades para a camada juvenil, particularmente na área digital, que acredita ser o “acelerador” das demais atividades económicas.

COMENTE ESTA NOTÍCIA

Por favor digite seu comentário!


COMENTÁRIOS: O País defende a liberdade de expressão e o debate livre de ideias. Entretanto, todos os comentários são mediados pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Advertimos, no entanto, de que os comentários devem cumprir os critérios estabelecidos pela Coordenação Editorial, nomeadamente, não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem, não ofender o bom-nome de pessoas e instituições, não conter acusações sobre a vida privada de terceiros, e não conter linguagem inadequada. Comentários que não respeitarem estes pressupostos não serão considerados.


Por favor, digite seu nome aqui