EUA: Rapaz de 11 anos baleou pai porque lhe tirou videojogos

0

Pai do menor é polícia e foi atingido com a própria arma. Apesar do sucedido, está vivo e a recuperar

No passado mês de fevereiro, um polícia no estado de Indiana, nos EUA, foi baleado quando não estava em serviço, pelo próprio filho, de 11 anos.

Agora, a imprensa norte-americana adianta um novo pormenor sobre o caso: na origem do incidente terá estado o facto de os pais terem tirado os videojogos ao menor.

Como reação ao castigo, o rapaz foi até ao carro de polícia do pai, que estava estacionado à porta de casa, pegou na arma que estava lá guardada e disparou um tiro, atingindo o pai numa nádega.

O agente foi hospitalizado de urgência mas está a recuperar bem.

Os procuradores do condado de St. Joseph, que têm este caso em mãos, querem que o rapaz seja julgado por tentativa de homicídio.