Festival Contos e Narração Oral assinala Dia Nacional da Cultura

0

As atividades desenvolvidas assinalam o Dia Nacional da Cultura. A abertura aconteceu este sábado, 12

As atividades são desenvolvidas pela Gil Produções, em parceria com a Biblioteca Nacional e o Ministério da Cultura. Objetivo é abrir as portas da Biblioteca Nacional, promover a leitura e fazer com que as estórias escritas sejam contadas e cheguem aos cantos e recantos de Cabo Verde. Para isso, 17 jovens de várias ilhas e Concelhos do País são formados durante estes dias, para depois contarem estórias sobre a vida e obra dos nossos autores às crianças e a todos quantos gostam de ouvir.

Para além de promover a história e a cultura de Cabo Verde, os contadores de estória, segundo o promotor da iniciativa Gil Moreira, têm a oportunidade de melhorar, através da leitura e da expressão oral, a sua vertente comunicacional.

O Festival arrancou este sábado, na Cidade da Praia, com uma série de atividades como formação e Jornadas do Conto em Cortejo. As atividades desenvolvidas assinalam o Dia Nacional da Cultura, que tem como patrono o Jornalista, Poeta e Escritor, Eugénio Tavares.

- PUBLICIDADES -

COMENTE ESTA NOTÍCIA

Por favor digite seu comentário!


COMENTÁRIOS: O País defende a liberdade de expressão e o debate livre de ideias. Entretanto, todos os comentários são mediados pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Advertimos, no entanto, de que os comentários devem cumprir os critérios estabelecidos pela Coordenação Editorial, nomeadamente, não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem, não ofender o bom-nome de pessoas e instituições, não conter acusações sobre a vida privada de terceiros, e não conter linguagem inadequada. Comentários que não respeitarem estes pressupostos não serão considerados.


Por favor, digite seu nome aqui