Finalmente, PR condena invasão Russa da Ucrânia

7

Posição foi expressa hoje, na sequência de uma suposta ligação telefónica do Presidente Zelensky ao seu homólogo Cabo-verdiano

Passam exatamente 15 meses desde que o Presidente Vladimir Putin iniciou a invasão do território vizinho da Ucrânia, e apenas hoje o Presidente da República, José Maria Neves, veio condenar a invasão. E JMN fê-lo na sequência de uma suposta ligação telefónica do Presidente Volodymyr Zelensky, em que o Chefe de Estado Ucraniano agradece a Cabo Verde a condenação da invasão, iniciada a 24 de fevereiro de 2022.

Zelensky, segundo JMN avançou à rádio pública, “agradeceu a Cabo Verde pela sua firmeza, desde o primeiro momento, pelas posições que tem tomado de condenação da invasão”.

O PR, que antes nunca se tinha pronunciado publicamente sobre a invasão Russa, acentuou, no entanto, que o nosso País defende o direito internacional, a integridade e a soberania dos Estados e a solução negociada dos conflitos. “Em nenhuma circunstância poderemos aceitar que um Estado invada e subjugue outro Estado”, disse.

Durante a conversa telefónica, os dois Presidentes puderam conversar sobre os 15 meses de guerra e a “situação difícil” dos Ucranianos na sequência desta guerra.
Por outro lado, JMN revela ter sido convidado pelo seu homólogo para visitar a Ucrânia “convite aceite” e que os canais diplomáticos irão tratar, doravante.

Não há memória de o PR a condenar a guerra que a Rússia desencadeou na Ucrânia, mas hoje o Chefe de Estado admite que o motivo da ligação de Zelensky tem a ver com a “posição muito coerente e serena” que o País teve.

É de salientar que as posições públicas de Cabo Verde sobre a invasão foram tomadas pelo Governo, sobretudo através do Primeiro-Ministro e do Ministro dos Negócios Estrangeiros.

7 COMENTÁRIOS

  1. Tudo na linha da esquerda radical e anti americana. Consideram que a Rússia tem o direito de se defender e invadiram a Ucrânia, imaginem, por que queria aderir a NATO, que um governo pro nazi e outras coisas mais. Falta de coerência da Rússia já que os países bálticos que têm fronteiras com a Rússia aderiram à NATO e não houve invasão. A Rússia financia toda a extrema-direita europeia próxima do nazismo para ganhar as eleições. A Rússia lançou um balão de ensaio e queria uma guerra relâmpago para ocupar a Ucrânia e daí reconstruir a antiga URSS. Já tinha ocupado a Crimeia e invadido a Geórgia. Por outro lado, o mundo está divido nos que acreditam na democracia e eleições periódicas e nos que acham que o melhor é uma ditadura de um homem especial como Putin, Xi jonping e outros, com poderes absolutos. O PAICV segue está linha e por isso deificam deificam Pedro Pires, que se esconde atrás de Amílcar Cabral. O importante é que voltou atrás. Muito bem, mais vale tarde.

  2. Fala sério, isto é surreal. Zelensk liga para JMN para agradecer pelo apoio de Cabo Verde, mesmo sabendo que JMN é admirador do Putin e que não condenou até esta manhã a invasão russa contra o seu território; Zelensk liga pró JMN mesmo sabendo que a política externa de Cabo Verde é dirigida pelo Governo? JMN, todos sabemos, é um gajo brejeiro e brincalhão. Por esta lógica, dentro de dias teremos o ‘Rei do Marrocos a ligar para Zemas para o agradecer pelo apoio de Cabo Verde na questão do Sara Ocidental’. Zelensk não liga pró Lula da Silva que também é amigo do Putin e liga pró Zemas? Uma de duas: ou Zelensk anda a beber ou Zemas anda fumar coisas estranhas.

  3. Só agora Sr presidente!

    Infelizmente o atraso nas políticas e tomadas de posições sempre foram a tua índole !

    Que vergonha ter um presidente assim!!!

    Ainda bem que o pais não tem um presidencilismo!

  4. Mais vale tarde do que nunca. Mas estou em crer que foi forçado a fazê-lo, amigo do Putin que é.

  5. Cuidado que o Brasil primeiro apoiou e depois condenou. Pelo que conhecemos nunca se sabe…
    Mas CV já tinha condenado há muito tempo, portanto tarde piastes!

  6. Só falta o Putin também ligar ao JMN para agradecer pelo reconhecimento da Crimeia como parte da Rússia.

Comments are closed.