ILHA DO FOGO: Pescador desaparecido desde ontem

0

Chalê como é conhecido está dado como desaparecido, um seu colega conseguiu salvar-se. As buscas devem ser retomadas esta manhã

Dois pescadores da ilha do Fogo sofreram na última segunda-feira,16, um problema em pleno mar, durante a faina da pesca. Um conseguiu nadar e socorreu-se e o outro não, estando dado como desaparecido, nas imediações de Vale dos Cavaleiros.

Segundo informações da Agência Cabo-verdiana de Notícias, o pescador que está à deriva é Marcelino Monteiro, Chalê para os mais próximos, tem 48 anos. Seu colega que conseguiu salvar-se é Silvestre Barros, de 65 anos. Começaram a pescar juntos há cerca de uma semana.

Ambos teriam ido à pesca por volta das 4h30 mas sucede que por volta das 9h30, num momento em que se preparavam para regressar à terra, o bote de boca aberta, teve um rombo e começou a entrar água, o que terá motivado o acidente.

Silvestre terá agarrado no leme e Chalê na boia de combustível mas o segundo não terá conseguido nadar em direção à terra, nas imediações da Casa Betânia.

As condições do tempo não são as melhores por estes dias, e terá sido esta situação a provocar o acidente na embarcação.

As buscas que tiveram início ontem depois do alerta prosseguiram até cerca das 18 horas, foram suspensas e serão retomadas esta manhã.

O bote e o depósito de combustível foram entretanto recuperados próximo ao Cais de Vale dos Cavaleiros.