Líder do PT diz que existem “provas suficientes” para libertar Lula

0

A garantia é de Paulo Pimenta, líder do Partido dos Trabalhadores, PT, na Câmara dos Deputados brasileira, enfatizando a existências de “documentos suficientes” para que o ex-Presidente Lula da Silva seja libertado

Para o Deputado do PT, as mensagens divulgadas no passado domingo, mostram que houve influência na condenação de Lula da Silva. Paulo Pimenta referia-se às mensagens entre Sérgio Moro e Deltan Dallagnol, sublinhando a existência de documentos que comprovam a inocência do histórico líder petista.

“Já existem documentos suficientes para que sejam anulados todos os procedimentos conduzidos por Sergio Moro e Deltan Dallagnol, o que colocaria o ex-Presidente Lula na sua condição de inocente, de onde nunca deveria ter sido retirado”, declarou numa entrevista à Lusa.

Pimenta vai mais longe pedindo afastamento dos envolvidos nessa polêmica, sublinhando “não haver hipótese alguma” de Sergio Moro ser indicado como juiz do Supremo Tribunal Federal brasileiro no futuro, cargo que o atual Ministro já declarou publicamente desejar.

- PUBLICIDADES -