Morgadinho deixa aviso. Não esquecer a nossa tradição

0

Octogenário é uma das vozes no Festival de Música da Praia d’ Tedja que está a homenagear a ilha de São Nicolau

Aos 88 anos de idade, Morgadinho é, porventura, a figura maior deste Festival que decorre neste fim-de-semana, numa homenagem à ilha de São Nicolau.

Após uma brilhante atuação, este filho da Praia Branca confirmou ser um orgulho voltar à terra para uma atuação e logo num palco como Praia d’ Tedja.

Em conversa com OPAÍS.cv, o intérprete deixou um aviso no sentido de se preservar a nossa tradição, isto numa clara alusão aos géneros genuinamente Cabo-verdiano, como a Morna, a Coladeira, o Batuco, o Funaná, de entre outros.

A nossa tradição, diz ele, é a “raiz” de Cabo Verde, por isso “devemos defende-la”.

“Cabo Verde depende muito da sua cultura”, acrescentou.

Com um repertório com alguns dos seus sucessos, entre Morna e Coladeiras, Morgadinho iniciou e encerrou a sua atuação com o tema “um criol na França” e não deixou de recordar todas as mães e mulheres do Tarrafal.

O Festival de Música está na ponta final. Após a atuação de Nilton Ramalho que sucede a Morgadinho, vai ao palco Nish Wadada e depois Tabanka para encerrar.

- PUBLICIDADES -