Oásis acompanha Mindelense na final do CNF

0

A equipa de Lúcio Antunes conseguiu apuramento após decisão nos penálties

Foi um jogo muito renhido, um empate a uma bola, no tempo regulamentar, o mesmo que o da primeira-mão, mas o vencedor só foi conhecido depois do prolongamento, na marca das grandes penalidades. A sorte sorriu ao Oásis.

A equipa da ilha do Sal e a de São Nicolau estiveram empatados até nas grandes penalidades. Oito penalidades marcados, o Oásis acertou sete e o Ultramarina marcou seis.

A final a ser disputada na próxima semana, 1 de junho, na ilha do Sal, palco deste jogo das meias-finais, entre Ultramarina e Mindelense, que ontem também carimbou o passaporte para a final, frente ao Onze Estrelas.

- PUBLICIDADES -