Polícia envolvido na morte de George Floyd sai em liberdade

0

Tou Thao foi libertado este sábado, depois de pagar uma fiança de 750 mil Dólares

          

Dos quatro agentes envolvidos na morte do Afro-americano, apenas Derek Chauvin, que se ajoelhou no pescoço da vítima, continua preso.

Mais um dos quatro ex-agentes da polícia de Minneapolis envolvidos na morte de George Floyd, em maio, saiu da prisão.

De acordo com a Imprensa Internacional, Tou Thao, de 34 anos, foi libertado este sábado, depois de pagar uma fiança de 750 mil dólares.

Tou Thao foi um dos polícias que testemunhou a morte de George Floyd, às mãos de Derek Chauvin, sem nunca tentar parar o colega que sufocou a vítima, com um joelho no pescoço, durante cerca de oito minutos.

Este é o terceiro elemento envolvido na ocorrência a ser solto. Thao e os outros dois colegas, Lane e Kueng, também demitidos da corporação, estão acusados de “auxílio não intencional e cumplicidade em homicídio em segundo grau, bem como auxílio e cumplicidade e homicídio por negligência”.

Os ex-polícias terão de se apresentar à justiça em setembro.

Com Notícias ao Minuto