Portuguesa detida em Cabo Verde por assassinato do namorado

1

Cidadã Portuguesa, de 41 anos, tinha sido condenada a 17 anos de prisão pela morte do namorado, também português, em 2016, mas fugiu “para parte incerta” até ser agora detida em Cabo Verde pelas autoridades judiciárias. Aguardam-se agora os trâmites legais relativos à extradição da arguida

Uma mulher de 41 anos, de nacionalidade Portuguesa foi detida em Cabo Verde a pedido das autoridades lusas, anunciou, hoje, a Polícia Judiciária Portuguesa.

Segundo um comunicado, as Autoridades Judiciárias e a Polícia Judiciária de Cabo Verde, em articulação com as autoridades Portuguesas, “localizaram e detiveram mediante cumprimento de mandado de detenção internacional, uma mulher portuguesa, com 41 anos”.

A mulher tinha sido condenada a 17 anos de prisão pelo crime de homicídio qualificado, ocorrido em 24 de dezembro de 2016, em Lisboa, cuja vítima era o seu namorado, também Português de 25 anos.

Na altura do crime, a mulher foi detida, “tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva, na vigência da qual foi condenada em primeira instância a pena de prisão de 17 anos”. Contudo, por “motivos jurídico atendíveis” e “sem que a sentença condenatória proferida em primeira instância tivesse transitado em julgado”, a arguida acabou por ser colocada em liberdade, “encetando fuga para parte incerta”.

“Por decisão judicial com força executiva, transitada em julgado a 08/04/2021, foi reconfirmada a decisão de primeira instância, confirmando a condenação da arguida a pena de 17 anos de prisão”, acrescenta.

Após múltiplos contatos entre os serviços da Polícia Judiciária portuguesa e a Polícia Judiciária de Cabo Verde, acabou por ser possível localizar a mulher e a sua detenção.

“Aguardam-se agora os trâmites legais relativos à extradição da arguida agora detida, de Cabo Verde para Portugal, para cumprimento do remanescente da pena de prisão em que foi condenada”, remata.

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.