Preço da oferta turística aumenta 11% no primeiro trimestre de 2024

0

Este resultado é inferior em 7,5 pontos percentuais face ao constatado no trimestre anterior

De acordo com as informações avançadas pelo INE,  a classe dos hotéis, cafés e restaurantes apresentou uma variação homóloga de 11,2 %, correspondendo a uma diminuição em -7,6 p.p relativamente ao trimestre anterior.

Nas ilhas de Boa Vista e Sal, registou-se aumentos dos preços do alojamento e restauração de 14 % e 8,9 %, respetivamente, enquanto que em São Vicente e Santiago registaram, por sua vez, variações de 4 % e 3,9 %, e em Santo Antão de 2,6 %.

As classes de Aluguer de Viaturas e de Serviços de Entretenimento e Cultura apresentaram uma variação homóloga negativa de menos 7,8 % em relação ao trimestre anterior que também tinha uma variação negativa de menos 2,6 %.

De acordo com o INE, os preços dos restaurantes registaram um aumento de 3,3 % relativamente ao primeiro trimestre de 2024, e nas atividades de cafés, bares e similares, o aumento foi de 4,4 %.

Quanto à atividade de alojamento, os preços dos serviços nos aldeamentos turísticos e hotéis registaram aumentos de 52,9 % e 14 %, e nas pousadas e pensões variações de 5 % e 3,8 %.

Nos hotéis apartamentos, o aumento foi de 3,4 %, enquanto que nas residenciais, ainda que mais brando, registou-se um aumento na ordem dos 2,2 %.