Seleção do País para 3.º Compacto MCC é reconhecimento, trabalho e testemunho da bem-sucedida diplomacia

0

Opinião é do MpD, através do Grupo Parlamentar

O MpD ressaltou, esta sexta-feira, no Parlamento, o “papel preponderante” da política externa do País na arena internacional, uma política que se pauta por uma “diplomacia de excelência, acompanhando sempre os meandros e novas configurações do multilateralismo, da cooperação bilateral e triangular, cumprindo igualmente com os preceitos das Nações Unidas e do direito internacional, mormente o respeito pela dignidade da pessoa humana, o princípio da autodeterminação dos Povos.

Em Declaração Política, o Deputado Celso Ribeiro observou que o reconhecimento do posicionamento de Cabo-verde junto das Nações Unidas, de organismos internacionais e demais parceiros, bem assim a boa governação de Cabo-Verde assente em princípios internacionais como o respeito pelos Direitos Humanos, a Democracia inclusiva, participativa transparente e responsável “está patente”, pelo que admitiu, a seleção do País para 3.º Compacto MCC é reconhecimento, trabalho e testemunho da bem-sucedida diplomacia.

“Este marco representa um compromisso renovado com o Desenvolvimento sustentável, fundamental para o crescimento económico e melhoria da qualidade de vida dos Cabo-verdianos”, ressaltou Celso Ribeiro, que a seleção de Cabo Verde para este Compacto, “é acima de tudo um reconhecimento, um trabalho e um testemunho da nossa bem-sucedida diplomacia, refletindo a confiança e a credibilidade que Cabo Verde granjeia internacionalmente”.

Este MCC “é o reconhecimento da robustez do nosso Estado de Direito Democrático, da boa governação e transparência na gestão dos recursos públicos, do inquestionável respeito pelos Direitos Humanos e do ambiente propício para investimentos”.

Terminou, aludindo que este terceiro Compacto MCC é um testemunho do compromisso de Cabo Verde com o Desenvolvimento sustentável, “e será indubitavelmente um catalisador” para acelerar o progresso de Desenvolvimento, impulsionando investimentos direcionados para áreas que não apenas fortaleçam a economia, mas, também, contribuam para o desenvolvimento sustentável de Cabo Verde.