SINDEP suspende greve de professores

0

Proposta de reajuste salarial, avançada pelo Governo, na última noite, fez docentes recuaram na ideia da greve que devia iniciar hoje

A decisão do Governo anunciada ontem, de atualizar a tabela remuneratória dos professores, com efeito a 1 de janeiro do próximo ano, fez o SINDEP recuar na sua ideia de greve que devia iniciar esta quarta-feira, 15.
Jorge Cardoso fala em “acordo possível” a proposta que, em certa medida, mais que duplica os salários dos docentes.
O índice 100 da tabela remuneratória da classe docente para as carreiras dos professores com licenciatura fica fixado, a partir da entrada em vigor do novo PCFR, em 91.000$00 e o índice 100 da tabela remuneratória para a carreira dos professores sem licenciatura passará para 55.000$00.
O Ministério da Educação enfatiza que esta atualização representa um impacto orçamental significativo, “acima de 900 mil contos por ano”, mas o Governo justifica a sua decisão de avançar com esta atualização dos salários com a “realização de mais um dos objetivos estratégicos” vertidos no Programa do Governo, em matéria da valorização e dignificação das carreiras docentes.



COMENTE ESTA NOTÍCIA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui