UCID quer Parlamento “equilibrado”

1

Meta foi fixada pelo Presidente dos democratas-cristãos que lidera o Partido em São Vicente

          

António Monteiro revela que a UCID pretende que das eleições do dia 18 saia um Parlamento “equilibrado” e que o Governo seja de minoria, isto para se poder haver “maior capacidade” de controlo e de fiscalização.

O candidato por São Vicente espera, no entanto, que o próximo Governo seja de coligação que será forçado a negociar para poder governar. Monteiro que está hoje em Monte Sossego, prefere um País com um Governo “com duas cabeças” a pensar.

Os democratas-cristãos consideram que é preciso “repensar” todo o sistema de transportes, desde o terrestre, passando pelo marítimo ao aéreo.

António Monteiro encabeça a candidatura da UCID em São Vicente, onde também concorrem o MpD, liderado por Paulo Rocha, o PAICV e o PTS.

Para as eleições estão registados nos Cadernos Eleitorais um total 393.166 eleitores que vão eleger 72 Deputados, entre os 597 concorrentes, com 307 candidatos do sexo masculino e 290 do sexo feminino.

1 COMENTÁRIO

  1. Os garotos da Ucid são inteligentíssimos. Santos Luiz e seu Professor António Monteiro, são Nobel de Burrices. Antonio Monteiro, como se sabe, é candidato a primeiro-ministro, de alguma capoeira por aí. Ora, é nessa qualidade, de candidato a primeiro-ministro que Antonio Monteiro deseja ter cinco deputados. Cinco deputados em setenta e dois, para Antonio Monteiro ser o futuro primeiro-ministro d Cabo Verde. Grande Santos Luíz!

COMENTE ESTA NOTÍCIA

Por favor digite seu comentário!


COMENTÁRIOS: O País defende a liberdade de expressão e o debate livre de ideias. Entretanto, todos os comentários são mediados pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Advertimos, no entanto, de que os comentários devem cumprir os critérios estabelecidos pela Coordenação Editorial, nomeadamente, não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem, não ofender o bom-nome de pessoas e instituições, não conter acusações sobre a vida privada de terceiros, e não conter linguagem inadequada. Comentários que não respeitarem estes pressupostos não serão considerados.


Por favor, digite seu nome aqui