Interesse de privados já garante venda de 39% da CVA

0

O Presidente da Bolsa de Valores afirmou hoje, que já há manifestações de interesse de privados suficientes para comprar a quota de 39% que o Estado ainda detém na antiga transportadora aérea TACV

De acordo com Manuel Lima, apesar de anunciado anteriormente pelo Governo, na sequência da privatização de 51% da ações da Cabo Verde Airlines, em março de 2019, a venda de 39% do capital social a investidores institucionais privados, através da Bolsa, “ainda não avançou”.

Entretanto, já há um “conjunto de investidores institucionais” que já manifestaram interesse em comprar, e segundo o PCA da Bolsa “no fundo falta só anunciar o dia” para se avançar com a operação. “Já temos o levantamento de quem são esses investidores institucionais que querem e também indicação dos valores em que estão interessados”, indicou o PCA da Bolsa, em entrevista à Agência Lusa.

O processo de venda da última quota, de 39% da CVA, vai envolver, explicou Manuel Lima, os canais da Bolsa de Valores e deverá ser totalmente subscrito.

“Acredito que sim, atendendo às manifestações de interesse, que já cobrem os 39%”, disse.

O processo faz parte da reestruturação da antiga TACV, hoje CVA, em que a primeira iniciativa foi a venda de 51% das ações ao parceiro estratégico a Icelandair.

Outros 10% das ações foram vendidos aos trabalhadores da CVA e emigrantes.

COMENTE ESTA NOTÍCIA

Por favor digite seu comentário!


COMENTÁRIOS: O País defende a liberdade de expressão e o debate livre de ideias. Entretanto, todos os comentários são mediados pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Advertimos, no entanto, de que os comentários devem cumprir os critérios estabelecidos pela Coordenação Editorial, nomeadamente, não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem, não ofender o bom-nome de pessoas e instituições, não conter acusações sobre a vida privada de terceiros, e não conter linguagem inadequada. Comentários que não respeitarem estes pressupostos não serão considerados.


Por favor, digite seu nome aqui